Pesquisa personalizada

quinta-feira, 4 de junho de 2015

Ah! Madruga, companheira!

É madrugada! Não existe silêncio na noite...
As palavras tornam-se efervescentes na mente!

A hora do galo aproxima-se!

                      Opa!

                                      Já Cantou!

Ficamos trancados na sala dos cegos ao amanhecer!

Que dia lindo deve estar lá fora!
Mas não podemos ver!

A noite aproxima-se novamente,
Vejo uma névoa perante meus olhos...

Voltou a madrugada! 
Que beleza admirar as Estrelas...

O silêncio nos abandonou!

Nenhum comentário:

Presença!!